Mais notícias

Segurança | 07/04/2017 | 11:06

Pastor é preso por crimes sexuais contra menores que frequentavam igreja

Meninas de 12, 15 e 16 anos teriam sido vítimas de homem preso em Campos Novos.

Pastor foi preso nesta quinta-feira em Campos Novos (Foto: Polícia Civil)

Um pastor foi preso nesta quinta-feira, dia 6, acusado de praticar crimes sexuais contra adolescentes que frequentavam a Igreja Mundial do Novo Nascimento em Campos Novos. A prisão foi realizada em decorrência de um mandado expedido pela Justiça após um trabalho investigativo conduzido pela Polícia Civil do município.

 

Responsável pelo caso, o delegado Luis Eduardo Machado Córdova começou a investigar o homem em meados de 2016, quando uma adolescente, na época com 12 anos, começou a frequentar a igreja onde o pastor é líder. O religioso disse à menina que em breve Deus iria lhe dar uma missão e que ela deveria cumpri-la.

 

Dias após, a vítima recebeu uma mensagem no celular dizendo que havia um feitiço contra ela. O texto indicava que a única forma de quebrar o feitiço seria “fazendo amor por sete vezes com um homem de muita fé e que fosse casado”. A menor procurou o pastor em busca de orientação, com o homem praticando o crime.

 

Já em março deste ano o pastor teria habilitado um número de celular em nome de uma fiel que frequenta a mesma igreja. Com o aparelho, encaminhou mensagem para duas meninas que também frequentam a igreja, com idades de 15 e 16 anos. Ele se passou por um rapaz que dizia ter estudado com as vítimas e o pai era feiticeiro, contando a mesma história para as jovens.

 

As mensagens obtidas pela Polícia Civil revelaram ainda que o pastor dizia às vítimas que obedecer a mensagem era a única maneira de "vencer o mal”. Em outro trecho ele chegou a falar que já havia sonhado que isso ia ocorrer, dizendo em outras passagens que era uma ordem de Deus e não havia escolha, deveriam cumpri-la.

 

A Polícia Civil já finalizou o inquérito sobreo o caso, com o Ministério Público inclusive oferecendo denúncia contra o pastor. O homem foi encaminhado ao Presídio de Campos Novos, onde ficará à disposição da Justiça.

Fonte: Oeste Mais
Comente